Os Sonhos de Deus

Jacó (Israel) “… amava a José mais do que a todos os seus filhos, porque era filho da sua velhice; e fez-lhe uma túnica de várias cores.
Vendo, pois, seus irmãos que seu pai o amava mais do que a todos eles, odiaram-no, e não podiam falar com ele pacificamente.” (Gn 37.3-4)

José contou um sonho que Deus lhe deu aos seus irmãos, os quais o responderam da seguinte forma:

“Tu, pois, deveras reinarás sobre nós? Tu deveras terás domínio sobre nós? Por isso ainda mais o odiavam por seus sonhos e por suas palavras…


… E teve José outro sonho, e o contou a seus irmãos, e disse: Eis que tive ainda outro sonho; e eis que o sol, e a lua, e onze estrelas se inclinavam a mim.
E contando-o a seu pai e a seus irmãos, repreendeu-o seu pai, e disse-lhe: Que sonho é este que tiveste? Porventura viremos, eu e tua mãe, e teus irmãos, a inclinar-nos perante ti em terra?” (Gn 37.9-10)

Deus não criou nada sem propósito e sua palavra diz que somos criados para glória de seu louvor e á sua imagem e semelhança. 1

O Senhor ama a humanidade e deseja que toda ela se una em comunhão nEle. Porém, deseja se relacionar com cada um na individualidade. 2

Portanto, ao invés de atentar para as promessas que Deus possui para a vida de outrem, devemos buscar no Senhor, primeiramente, a maneira como ele quer que o sirvamos.

José, á pedido do pai, se deslocou para outra cidade para obter notícias dos seus irmãos. Vendo-o de longe, eles conspiraram entre si: 3

“Vinde, pois, agora, e matemo-lo, e lancemo-lo numa destas covas, e diremos: Uma fera o comeu; e veremos que será dos seus sonhos.” (Gn 37.20)

Os irmãos de José o invejaram. Logo, tramavam destruir os sonhos de Deus para a vida dele. 4

Estes irmãos venderam José aos midianitas, que o venderam no Egito ao capitão da guarda de Faraó.  5

Durante o tempo que esteve longe da família, José sofreu muitas provações como abandono, injustiças e encarceramento. No entanto, priorizou viver na presença de Deus, ao buscar conselho no Senhor e fugir do pecado. 6

Passados alguns anos,  Faraó teve um sonho o qual ninguém pode interpretar. Logo, o copeiro-mor relatou-lhe que José pode interpretar o sonho dele e do padeiro-mor no momento no qual os três estiveram presos juntos no cárcere. 7

Portanto, José foi chamado á presença de Faraó e disse-lhe que tais sonhos eram para alertar sobre um período de fartura e de outro de grande fome naquela terra, além de dar-lhe sábios conselhos. 8

Em seguida, Faraó reconhecendo a glória de Deus sobre a vida de José, colocou-o como governador de toda a terra do Egito. 9

Quando chegou o tempo de fome profetizado por José,  ” todas as terras vinham ao Egito, para comprar de José; porquanto a fome prevaleceu em todas as terras.” (Gn 41.57)

Portanto, os seus irmãos foram enviados por Jacó ao Egito para buscarem mantimento, onde viram o cumprimento dos sonhos de Deus ao irmão José. 10

Pois, devido á autoridade que possuía, José conduziu sua família á habitar no melhor da terra do Egito e foi por ele sustentada. 11

Esta história ensina que os sonhos de Deus para nossa vida, ao menos, durante um tempo, devem ser mantidos em segredo.

Inclusive, que Deus pode usar a atitude negativa de um inimigo contra um servo Seu para que o nome dEle seja exaltado !


 “O segredo do Senhor é com aqueles que o temem; e ele lhes mostrará a sua aliança.” (Sl 25.14)


A paz do Senhor!

 

Referências:

  1. Gn 1.26; Ec 3.1; Ef 1.6; 1.12
  2. 1Co 12.12
  3. Gn 37.12-17
  4. Gn 37.11; At 7.9
  5. Gn 37.31-36
  6. Gn 39.7-12; 39.20; Ef 6.11; 1 Ts 5.22
  7. Gn 41.1-13
  8. Gn 41.28-37
  9. Gn 41.37-41
  10. Gn 42.1-3
  11. Gn 47.1-6; 50.21

 

FacebookTwitterGoogle+Compartilhar

Publicado por

Gisele

" É necessário que Ele cresça e que eu diminua." (Jo 3.30)

One thought on “Os Sonhos de Deus”

  1. É impressionante a quantidade de vezes que satanás prepara armadilha para nós com o objetivo de nos fazer mal e de nos destruir. Mas quando Deus se envolve no assunto, toma o que satanás faz com a intenção de nos destruir e o transforma para que isso opere em nosso favor. Ninguém mais pode fazer as coisas funcionarem assim, mas Deus pode. Ele pode pegar qualquer situação negativa e,através do seu poder de operar milagres,usa-lá para nos tornar mais fortes do que jamais seríamos sem essa intervenção de Deus.
    A paz do Senhor Jesus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *